31 de mar de 2009

Embalagens para produtos de limpeza doméstica vão além da simples funcionalidade

Direto da ABRE
Uma das principais tendências que observamos na categoria de produtos para limpeza doméstica relaciona-se à embalagem e a como ela se torna mais complexa e mais focada em oferecer ou reforçar benefícios específicos do produto.

Conceitualmente, toda embalagem para produtos de limpeza é estritamente funcional – sabão em pó em caixa ou frasco, aromatizador de ar em lata aerossol, limpadores em garrafas com gatilho. Os produtos deveriam ser mantidos embaixo da pia ou no armário.

Hoje, contudo, vemos mais produtos que reforçam a funcionalidade da embalagem no sentido de ajudar o consumidor a usá-la; outros levam a um uso semelhante ao de produtos de cuidados pessoais. A seguir alguns exemplos de inovação de embalagem nesta categoria...

Uma das principais tendências em sabão para roupa, especialmente na Europa, são os sabões mais eficientes em baixas temperaturas que em altas. O benefício para o consumidor é óbvio – água fria significa menos gasto com energia e economias consideráveis.

A
embalagem do sabão em pó Ariel Excel Gel da Procter & Gamble do Reino Unido (foto) tem diversas características únicas que ajudam a reforçar a mensagem de calor e uso eficiente. A lateral da embalagem tem uma faixa clara que permite visualizar exatamente quanto sabão há no frasco. Com isso o consumidor sabe quando precisa comprar mais produto.

O topo da embalagem é retirado e torna-se uma tampa dispenser. Parte da tampa é transparente o que facilita enxergar a quantidade correta de produto despejada da embalagem. A tampa dispenser também foi projetada para ir direto para a máquina com roupas sujas, garantindo que todo o sabão da tampa será usado.

Co
mo outra vantagem, o sabão sai por uma tampa flip top no fundo da embalagem. O sistema é refechável, evitando desperdício e por estar no fundo da embalagem ajuda a utilizar todo o produto.

Uma característica de embalagem que não tem muita ligação com conveniência, mas é interessante, é a imagem gravada no mecanismo dispenser. Ela é um aviso para não apertar a embalagem e apresenta a imagem estilizada de uma mulher apertando a embalagem e o conteúdo espirrando em seu rosto. Uma mensagem óbvia, mas importante.

O produto Ariel é um bom exemplo de embalagem relativamente complexa que garante o uso eficiente do produto, porém, também vemos embalagens que com mudanças muito simples fa
cilitam o uso pelo consumidor. Por exemplo, o Wild Oats Markets (foto) nos EUA tem uma embalagem que adiciona funcionalidade.

Enquanto a embalagem para filmes plásticos tem a típica lâmina metálica serrilhada, esta também tem um sistema push-and-lock (empurra e trava) na lateral do cartucho de cartão que trava a bobina na posição de uso. Isto gera conveniência para o consumidor e ajuda a manter o filme plástico pronto para uma nova utilização.

Algumas vezes uma mudança na funcionalidade da embalagem pode garantir ao produto um posicionamento comercial completamente novo. Por exemplo, quando os consumidores compram frascos com gatilhos, eles estão comprando um pouco de produto de limpeza, muita água e embalagem. Alguns consumidores vêem isto como desperdício, uma vez que quando o produto aca
ba, a embalagem é dispensada e outra nova deve ser comprada. Algumas marcas oferecem refis em frascos plásticos maiores, contudo, começamos a ver o lançamento de refis de produtos concentrados.

A Church & Dwight oferece aos consumidores uma outra alternativa nos EUA com a linha Arm & Hammer Essentials (foto à dir.). O limpador de vidros, por exemplo, vem num frasco padrão com gatilho, mas não está cheio com o produto. Os consumidores compram o refil em pastilhas com uma fórmula concentrada. A embalagem é projetada para que o consumidor gire a pastilha no seu topo e coloque o concentrado no frasco; basta acrescentar água para preparar o produto.

Vemos também que uma mudança simples no design da embalagem de produtos de limpeza doméstica pode garantir grande atratividade. Este tipo de mudança na embalagem encoraja os co
nsumidores a deixarem os produtos de limpeza à mostra, ajudando a reforçar a marca. É o que temos visto acontecer com a linha de produtos de limpeza da Method Home. Vendida basicamente nos EUA e Canadá, a linha oferece formulações amigas do meio ambiente e está focada em produtos com embalagem clean e elegante, oferecidos a preços relativamente acessíveis.

Um dos mais recentes lançamentos da empresa é uma extensão da linha de sabão para louça, lançado com a essência WinterBerry, apenas para feriados (foto à esq.). A embalagem parece mais de um produto de personal care como xampu ou loção que um detergente lava louça.

0 comments:

Postar um comentário

Resultado da pesquisa