22 de abr de 2009

Trabalho integrado para promover a América Latina

Uma campanha intitulada “Why to invest in South America” (Por que investir na América do Sul) está sendo produzida pelas Agências de Promoção de Investimentos da região e será lançada em breve, disse o presidente da Apex-Brasil, Alessandro Teixeira – também presidente da Associação Mundial das Agências de Promoção de Investimentos (WAIPA) – durante palestra no Fórum Econômico Mundial. Teixeira integrou o painel “Novas Fronteiras para a Atração de Investimentos - Ásia e Oriente Médio” ao lado ex-ministro Luiz Fernando Furlan, do diretor da OCDE, Javier Santiso, e de Lord Brennan da Matrix Chambers.
Teixeira explicou que os Governos Sulamericanos trabalham de forma integrada para promover a região com o objetivo de captar investimentos estrangeiros. “Cada país da América Latina trabalha para captar recursos, seja para joint ventures, para criação de novas plantas ou projetos sociais”, explicou o presidente da Apex-Brasil...

Segundo ele, a proposta de promover a região de forma conjunta está na possibilidade de reduzir burocracia e oferecer opções integradas. “Os investidores vêem países Latino Americanos isoladamente como plataforma para a região", observou.

Lord Brennan defendeu o momento de crise como de expansão de boas oportunidades de investimentos para a América Latina, principalmente nos setores agronegócios e recursos minerais. O ex-ministro Furlan incluiu nesta lista possibilidades de negócios no setor energético, que vem crescendo rapidamente na região e, principalmente, no Brasil. Já Alessandro Teixeira ressalta que o setor de alimentos vem atraindo forte interesse.

"O grande desafio é a distância. Mas, existem muitas convergências entre as regiões, como por exemplo uma grande comunidade árabe no Brasil", lembrou o ex-ministro Furlan. Lord Brennan garante que ainda é preciso que a região se esforce em dar garantias de estabilidade jurídica.

Javier Santiso, da OCDE, lembrou que empresas asiáticas e do Oriente Médio buscam produtos e serviços de maior valor agregado, com o que Teixeira concorda, citando que a América Latina tem sido garantia para excelentes retornos a tais investimentos.


0 comments:

Postar um comentário

Resultado da pesquisa